Terça, 18 de Junho de 2024
32°

Tempo limpo

Teresina, PI

Cultura Verão Sergipe

Verão Sergipe 2024 é encerrado com aprovação da população sergipana

Evento que começou em 12 de janeiro e levou programação musical e esportiva para o interior do estado teve seu encerramento no último fim de semana, em Aracaju

04/03/2024 às 11h31
Por: Redação Fonte: Governo de Sergipe.
Compartilhe:
Verão Sergipe 2024 é encerrado com aprovação da população sergipana

 

Após movimentar o estado nos meses de janeiro e fevereiro, o Verão Sergipe 2024 encerrou as atividades nesse último fim de semana, de 1º a 3 de março, com a parceria do Governo do Estado ao Projeto Verão, em Aracaju. A programação, que levou música e esporte para o interior do estado, teve início no dia 12 de janeiro, na Praia da Caueira (Itaporanga d’Ajuda) e passou pela Ponta dos Mangues (Pacatuba), Canindé de São Francisco, Pirambu, Carnaval do Abaís (Estância), e encerrou em Aracaju, garantindo acesso à cultura e ao lazer para a população e fomentando a economia e o turismo dos municípios por onde passou.

 

Realizado por meio da Secretaria Especial da Comunicação (Secom), em colaboração com a Secretaria de Estado do Turismo (Setur), Fundação de Cultura e Arte Aperipê (Funcap), Secretaria de Estado do Trabalho, Emprego e Empreendedorismo (Seteem) e Secretaria de Estado de Esporte e Lazer (Seel), o Verão Sergipe retornou ao calendário estadual de eventos após mais de dez anos de suspensão, reforçando o compromisso do Governo do Estado com o fortalecimento do turismo e da cultura como políticas pública.

 

Esporte

 

Em todas as cidades por onde passou, o Verão Sergipe levou atividades esportivas durante o dia, sempre buscando modalidades que valorizassem a paisagem e a população local. Os participantes puderam competir e se divertir em partidas de beach tênis, vôlei de areia, natação, polo aquático, mesabol, frescobol, futebol de areia, futevôlei, corrida, passeio ciclístico, corrida de barco, stand up paddel, entre outras. Programação que foi aprovada pela população. Neto é professor de Educação Física, natural de Aracaju, mas atualmente mora em Piranhas, município alagoano, vizinho a Canindé de São Francisco. Praticante de esportes há mais de 40 anos, ele acompanhou seus alunos na programação esportiva do Verão Sergipe e decidiu também participar da natação e da corrida. “É uma forma de incentivar os meus alunos ao esporte, que é uma atividade salutar e agrega valores, permite conhecer pessoas novas”, considera.

 

Cultura e lazer

 

Durante a noite, a população e os turistas puderam conferir shows de artistas locais e nacionais. Na Praia da Caueira (Itaporanga d'Ajuda), por exemplo, apresentaram-se Rock 79, Hungria, Dilsinho, Seaway, Os Faranis, Chicabana, Maneva e Ygor Raniere. No final de semana seguinte, na Ponta dos Mangues (Pacatuba), subiram ao palco Reação, Nona, Saulo, Bhaskar, The Baggios, Nando Reis, Jau e Jorge Ducci. 

 

Já em Canindé de São Francisco, quem animou o público foram MariaMilena, Luiza Martins, Iguinho e Lulinha, Naurêa, Dan Chicleteiro, Vitor Fernandes e Ramom e Randinho, e em Pirambu, Art Mania, Xande de Pilares, Psirico, Cid Natureza, Maysa Reis, Tayrone, Saia Elétrica e Marcelo Balla garantiram a diversão à noite.

 

Incluída na edição 2024 do Verão Sergipe, o Carnaval do Abaís contou com as apresentações de Val Valverde, Pagod’art, Ninha, Guig Guetto, Filhos da Bahia, Bruninho Top 7, Tuka Veloz, Ittauan e Cavaleiros Elétrico. Neste fim de semana, de 1º a 3 de março, artistas de projeção nacional, como Barão Vermelho, Marcelo Falcão e os sergipanos notáveis Pedro Lua, banda Reação e Sandyalê foram algumas das pratas da casa que comandaram o palco em Aracju, no Projeto Verão.

 

Sergipanos

 

A valorização dos artistas locais foi o diferencial do Verão Sergipe, como indicou o cantor Cid Natureza, que é baiano, mas construiu sua carreira aqui no estado. “O Verão Sergipe foi uma sacada muito bacana do Governo do Estado. É uma forma de trazer ao centro da festa não só quem mora em Aracaju, mas também o povo que está no interior. Sem contar que a quantidade de artistas sergipanos no evento quadruplicou. Essa valorização da prata da casa é muito importante. Estou muito feliz com essa ação”, evidenciou.

 

Assim como ele, o cantor Márcio Vitor, vocalista da banda Psirico, aprovou o retorno do Verão Sergipe, chamando atenção para o incentivo ao turismo promovido pelo evento. “Estava louco para sentir essa energia e para trazer nosso repertório com os clássicos do Psirico. Estar aqui é uma delícia. Sergipe é um dos lugares com as praias mais bonitas do mundo. A gente sentiu falta do Verão Sergipe. É muito bom voltar aqui com essa estrutura e com uma grande grade de atrações. Aqui não temos só sergipanos, mas também gente da Bahia, de São Paulo, de Brasília”, destacou.

 

Não foram apenas os artistas que ficaram satisfeitos com a volta do evento. Em Canindé, a auxiliar de serviços gerais Daiane Pereira da Silva marcou presença com sua família e elogiou a organização e a segurança do Verão Sergipe. “Foi ótimo, uma festa contagiante e cheia de alegria, com segurança e boas atrações. Favoreceu, e muito, a nossa economia e o nosso turismo”, comentou.

 

A aposentada Cristina de Sá é moradora de Aracaju, mas tem casa em Pirambu e aproveitou o Verão Sergipe no município para se divertir com seus três netos. “Sempre estamos em Pirambu e então resolvi dar uma olhada na festa a pedido dos meninos. É bom quando o governo faz esses eventos, eu gosto. É importante para a cidade, porque faz um bom tempo que estava parado em relação a esse tipo de festa. É uma ajuda para a população que vive disso, que pode comercializar. Notei que tinha muita gente de fora em Pirambu, e isso é satisfatório”, declarou.

 

Economia

 

Além de levar esporte, cultura e lazer para os municípios, o Verão Sergipe ainda movimentou a economia dos locais por onde passou, especialmente para os pequenos empreendedores, como é o caso da vendedora ambulante Aparecida Félix, que atualmente tem na comercialização de balas e doces a sua única fonte de renda. Moradora da Barra dos Coqueiros, ela trabalha com vendas há mais de 30 anos e aproveitou a realização do Verão Sergipe na Praia da Caueira, em Canindé de São Francisco e também em Pirambu, para garantir a renda. “Jesus é tão maravilhoso que me deu essa glória para que eu trabalhe. Gostei muito da iniciativa”, enfatizou.

 

Projeto Verão

 

O Projeto Verão 2024 fechou o cronograma do Verão Sergipe neste fim de semana, entre os dias 1º e 3 de março. Realizado pela Prefeitura de Aracaju, em parceria com o Governo de Sergipe, tratase de um evento multicultural, que movimenta diversos setores da economia, além de fomentar o esporte, o lazer e o turismo na capital sergipana, um verdadeiro festival de valorização da arte e da cultura. 

 

Entre os nomes que comandaram a festa em Aracaju estão Jorge Aragão, BaianaSystem, Gloria Groove, Emicida, entre outros artistas consagrados. "Adorei a programação, adorei o espaço, a segurança, a localização, enfim, para mim foi tudo perfeito! Vi muita gente com a família também e acho importante destacar isso. Durante o dia curti a parte cultural e voltei as três noites para ver os shows", opinou Laura Mota. "Tudo que eu declarar aqui será redundante, porque estou muito satisfeita, então, vou resumir: este final de semana foi maravilhoso! A organização está de parabéns!", completou a aposentada Aldenora da Costa.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários