Terça, 18 de Junho de 2024
29°

Tempo limpo

Teresina, PI

Geral Meio Ambiente

Quase metade dos pacientes não comparecem às consultas agendadas no Ipesaúde

Não comparecimento sem aviso prévio acarreta custos, sobrecarrega o processo de marcação de consultas e provoca atrasos no fluxo de atendimentos. Cancelamento pode ser feito por meio do contato telefônico ou WhatsApp

20/02/2024 às 11h24 Atualizada em 20/02/2024 às 11h35
Por: Redação Fonte: Agência Sergipe Noticias
Compartilhe:
Quase metade dos pacientes não comparecem às consultas agendadas no Ipesaúde

Aproximadamente 40% dos pacientes não comparecem às consultas agendadas na Rede Própria do Instituto de Promoção e de Assistência à Saúde de Servidores do Estado de Sergipe (Ipesaúde), em Aracaju, gerando prejuízos e atrasos significativos. O Instituto vem enfrentando diariamente o desafio do 'absenteísmo ambulatorial', que ocorre quando os pacientes não comparecem às consultas marcadas sem cancelamento prévio.

No interior do estado, apesar de o índice de ausência ser consideravelmente menor, 8,6%, esse percentual também prejudica o serviço. Essa prática acarreta custos, sobrecarrega o processo de marcação de consultas, provoca atrasos no fluxo de atendimentos e, consequentemente, resulta na redução da eficiência na prestação de serviços para os servidores.

A diretora de Controle e Cadastramento com os Beneficiários do Ipesaúde (Dircab), Nataly Góis Santos, destaca que o não comparecimento às consultas prejudica outros beneficiários que aguardam atendimento. "Quando um paciente falta, a equipe médica e assistencial fica mobilizada e deixa de atender outro paciente que estava na fila de espera para marcação. A cada dez pacientes agendados para um especialista, quatro se ausentam. É um número expressivo, que, se houvesse o cancelamento, possibilitaria agilizar as consultas para outros beneficiários", relatou.

O presidente do Ipesaúde, Claudio Mitidieri, lamentou o alto índice de absenteísmo, ressaltando a necessidade de conscientização por parte dos beneficiários. "É preocupante ver quase metade dos pacientes faltando às consultas agendadas. Isso gera impactos não apenas financeiros, mas também compromete o acesso dos servidores à saúde de qualidade. Precisamos trabalhar juntos para mudar essa realidade e garantir que todos tenham acesso oportuno aos serviços oferecidos pelo instituto", declarou Mitidieri.

Campanha de conscientização

Visando reduzir esse número tanto na capital, quanto no interior, o instituto vem trabalhando, desde o ano passado, a campanha de conscientização ‘Sua contribuição faz toda diferença! Não é SPAM’, que tem por objetivo conscientizar os beneficiários da autarquia sobre a importância de comparecer às consultas marcadas na instituição.

O Ipesaúde realiza o envio de mensagens lembrando ao beneficiário da consulta agendada com dois dias de antecedência. Uma mensagem de SMS é enviada no dia anterior à consulta. O paciente pode realizar o cancelamento da consulta por meio do contato telefônico (79) 3226-2828 ou através do WhatsApp (79) 9 8810-2828.

A Instituição solicita a colaboração da população para reduzir o número de faltas, salientando a importância de comparecer à consulta e manter o cadastro atualizado, especialmente em caso de mudanças no número de telefone e endereço residencial. Esta contribuição é crucial para otimizar o atendimento e garantir a eficiência dos serviços prestados aos servidores.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários